Dicas para você parar de engordar

Como parar de ganhar peso

Você pode fazer dieta após dieta, a cada ano você ganha um ou dois quilos, mesmo com esforço. 

É verdade que quanto mais velhos ficamos, mais tendemos a ganhar peso e mais difícil é perder peso

Cansado de lutar contra os quilos?

Como parar de ganhar peso?

Você pode fazer dieta após dieta, a cada ano você ganha um ou dois quilos, mesmo com esforço. 

É verdade que quanto mais velhos ficamos, mais tendemos a ganhar peso e mais difícil é perder peso

Cansado de lutar contra os quilos

E se fosse possível interromper esse processo? 

Sim, mudando algumas coisas em nosso modo de vida, podemos parar de engordar e até perder peso. 

Mudar seu comportamento alimentar e abandonar alguns hábitos ruins é até a única maneira de perder peso. 

Descubra dicas para parar de engordar.

Maus hábitos que te deixam gordo

1 – Você não está bebendo o suficiente

Aqueles que têm tendência a ganhar peso são frequentemente os que não eliminam o suficiente.

Beba água morna com limão todas as manhãs e depois pelo menos 1,5 litro de água por dia para ajudar os rins a remover os resíduos do corpo e eliminar as toxinas e outros poluentes.

2 – Você gosta muito de aperitivos

Quem engorda pode ser quem gosta um pouco demais de vinho, cerveja ou coquetéis.

O fígado, um dos principais órgãos eliminadores de toxinas, tem dificuldade em tolerar o álcool, seja ele vinho ou cerveja.

E mesmo que os profissionais de saúde tolerem no máximo 1 a 2 bebidas alcoólicas por dia, quando você tende a ganhar peso, seria melhor limitar o consumo de álcool ou interrompê-lo por completo.

3 – Você não está comendo frutas e vegetais verdes suficientes

Aqueles que tendem a ganhar quilos geralmente são pessoas com problemas de constipação.

Graças ao seu conteúdo de água e elementos naturalmente “laxantes”, frutas e vegetais verdes, ricos em fibras, irão facilitar este trânsito intestinal retardado.

Coma mais salada verde, abobrinha, salada de repolho e sopas de vegetais.

Beba sucos de frutas ou vegetais frescos.

4 – Você come muita gordura

Para evitar o ganho de peso, você nunca deve consumir mais de 200 a 300 g de gordura por semana.

Existem gorduras na maionese, vinagrete, óleo de fritar, manteiga, crème fraîche, queijo, pratos com molho, mas também pratos cozinhados, charcutaria, carnes, pastelaria, chocolate em barra, gelados …

5 – Você come muito doce

Aqueles que tendem a ganhar peso geralmente comem muito açúcar.

O açúcar cria dependência e perturba o corpo, torna a fome mais faminta, sobrecarrega o sistema digestivo e, como o álcool, destrói o fígado.

Para evitar o ganho de peso, nossa ingestão diária de açúcar não deve exceder 25g a 50g.

Sabendo que 50G de açúcar = 8,4 peças de açúcar, e que uma fruta = 1 a 2 açúcares, que um copo de refrigerante de laranja ou cola = 4,3 peças de açúcar, que 100 g de ketchup = 4 peças de açúcar, metade de uma pizza congelada = 3 torrões de açúcar, é óbvio que sua cota de açúcar é rapidamente excedida.

Talvez devêssemos desistir de bolos e outros doces.

6 – Você come muito rápido sem perder tempo para mastigar

Para se sentir saciado, para digerir e assimilar adequadamente a refeição, sem sentir peso e inchaço, você deve permanecer à mesa por pelo menos vinte minutos, sentado confortavelmente, em paz, com tempo para mastigar cada garfada.

Por comer muito rápido e automaticamente, sem nem mesmo gostar do que está comendo, você tende a comer mais do que deveria.

7 – Você pula refeições

Pular uma refeição nunca fez ninguém perder peso, pelo contrário!

Ao pular regularmente o café da manhã, almoço ou jantar, você perturba o seu metabolismo, o que vai desacelerar e, portanto, reduzir a queima de gordura, que pode levar ao excesso de peso.

8 – Você não está se movendo o suficiente

Os sedentários costumam ser os que mais engordam. 

Quanto mais você envelhece, menos você se move, enquanto para não ganhar peso você teria que praticar esportes e se mover muito.

A não realização de nenhum exercício físico leva a um acúmulo mais acentuado de gordura no corpo e, portanto, ao excesso de peso.

Para queimar essas gorduras, é necessário fazer esforços físicos e suar.

Sem tempo para praticar esportes?

Você pode caminhar ao invés de pegar o carro ou transporte público, você pode evitar pegar o elevador.

Correr, pular corda está ao alcance de todos.

9 – Você está obcecado com seu peso

Pesando-o noite e de manhã, preocupando-se assim que tomar 200 g no mesmo dia, nosso peso pode variar de 1 a 3 kg. Quanto mais obcecado com seu peso, mais você engorda.

Ou porque estamos aflitos, nos oferecemos um bolo extra para nos consolarmos, ou porque pulamos uma refeição.

Para não engordar, basta estar atento à sua fome e alimentar-se de forma equilibrada.

Pese-se uma manhã com o estômago vazio e descanse 15 dias a um mês depois nas mesmas condições.

10 – Você não está dormindo o suficiente

Dormir menos de sete horas por noite promove o ganho de peso.

Quanto menos dormimos, mais cansados ​​ficamos, quanto mais cansados ​​ficamos, mais precisamos comer alimentos gordurosos e doces.

Quanto mais gordura e doce você come, mais você ganha peso. É lógico.

Seu peso ficará mais estável se você for para a cama mais cedo e se levantar bem descansado.

E caso você busque algum emagrecedor conheça Magrelin.

Dicas para você caso sua pele não esteja mais tão firme

Com o passar do tempo nossa pele vai perdendo a elasticidade e a firmeza.

E isso não é culpa tua, é apenas um processo que vai acontecer com qualquer pessoa que ficar velha.

Mas não é porque vai acontecer que você não possa prevenir e minimizar os danos não é mesmo?

Pensando nisso escrevemos este artigo com alguma das melhores dicas quando o assunto é cuidado da pele.

Então, se você sofre com a sua pele flácida não deixe de ler esse artigo, porque garantimos para você.

Você não vai se arrepender.

Use cremes firmadores

Embora os efeitos dos cremes firmadores sejam frequentemente sutis, eles podem ajudar a melhorar a aparência da pele flácida que precisa de hidratação.

Frequentemente, os resultados podem ser vistos imediatamente, mas não duram muito. 

A hidratação eficaz pode reduzir temporariamente a aparência da pele flácida.

Um bom creme firmador contém retinol, que é um derivado da vitamina A.

O retinol previne os danos dos radicais livres (sol, poluição, estresse) na pele.

Os radicais livres podem quebrar o colágeno da pele e causar a formação de rugas. Você precisa de colágeno para que a pele pareça jovem e saudável.

O colágeno também ajuda os tecidos a manter a elasticidade, o que evita a flacidez da pele. O retinol também pode ajudar na produção de colágeno.

O aumento da produção de colágeno pode ajudar a reduzir o aparecimento de rugas e prevenir sua formação. 

Se você quiser experimentar um remédio natural, experimente o óleo de semente de uva. Este óleo foi comprovado para apertar a pele e melhorar sua elasticidade.

Massagear a área afetada pela flacidez da pele pode aumentar o fluxo sanguíneo, melhorar a elasticidade e ajudar a provocar uma resposta anti-envelhecimento. Quanto mais profunda a massagem, melhor sua pele responderá à perda de peso atual.

Da mesma forma, você também pode tentar escovar a pele seca. 

A escovação a seco tem muitos benefícios, entre outros, ajuda a rejuvenescer as células da pele, remover a celulite e a pele morta, manter a pele saudável e brilhante, etc.

Um creme que podemos indicar para você é o: Sérum Preenchedor de Rugas Diatena.

Perca mais peso

A gordura teimosa sob a pele pode fazer com que ela pareça flácida. E o que muitos percebem como pele flácida é, na verdade, excesso de gordura. 

Qual é um dos efeitos negativos da perda drástica de peso.

É a medição da espessura dessas dobras que lhe dirá que ainda há uma quantidade significativa de gordura sob a pele. 

Se, ao beliscar a área problemática, você puder ver mais do que alguns milímetros de pele, então há gordura subcutânea.

Perder essa gordura pode ajudar a enrijecer um pouco mais a pele.

10. Alguns remédios caseiros naturais

Óleo de coco: é um poderoso antioxidante que elimina os radicais livres que podem causar danos à pele. 

Além disso, o óleo de coco ajuda a manter a hidratação da pele, evitando a flacidez.

Para usar o óleo de coco como um tratamento firmador, use uma colher de chá de óleo de coco para massagear sua pele por cinco minutos antes de ir para a cama.

A massagem ajuda o óleo de coco a penetrar mais profundamente na pele, onde pode fazer mais bem.

Azeite: O azeite de oliva é outro poderoso antioxidante que também contém uma boa dose de vitamina E, que não só firma a pele, mas também a protege dos efeitos do sol.

Após o banho noturno, massageie o rosto, pescoço e áreas com pele flácida com azeite.

Massageie essas áreas por alguns minutos para que o azeite possa penetrar bem em sua pele.

O azeite de oliva pode ser usado todos os dias no lugar de uma loção ou creme corporal.

Pepino: É um dos melhores hidratantes e tonificantes naturais da pele. Não é de admirar que os spas usem tanto.

O pepino também pode refrescar e regenerar a pele cansada para dar à sua tez o impulso de que precisa, sem o risco de efeitos colaterais ou reações hipoalergênicas.

Aqui estão três maneiras fáceis de usar o pepino em sua rotina de beleza.

Suco de pepino: Misture meio pepino em um processador de alimentos e, em seguida, filtre a mistura em uma peneira fina para extrair o suco. 

Aplique o suco no rosto, pescoço e áreas com pele flácida e deixe por 15 minutos. Enxágue a pele com água morna e seque com uma toalha macia. Este remédio é seguro e pode ser usado todos os dias.

Polpa de pepino  : esmague meio pepino em um processador de alimentos. 

Aplique esta polpa diretamente em seu rosto, pescoço e áreas onde você tem pele flácida. Deixe descansar por 15 minutos e depois lave com água morna. Seque a pele com uma toalha limpa e macia. Repita a cada dois dias.

A máscara de pepino  : misture meio pepino em um processador de alimentos e depois esprema em uma peneira para extrair o suco. 

Misture duas colheres de sopa deste suco com uma clara de ovo e três gotas de óleo de vitamina E. Aplique esta máscara no rosto, pescoço e áreas onde você tem pele flácida e deixe secar por 15 minutos. 

Lave a máscara com água morna e seque a pele com uma toalha macia. Use esta máscara uma vez por semana.

Não tenha medo de pedir ajuda se precisar

Se você não estiver satisfeito com seu progresso, apesar de seus esforços, entre em contato conosco  para discutir seu progresso conosco. 

Fornecemos instruções, conhecimentos e ferramentas para ajudá-lo a obter uma perda de peso saudável e permanente.

Dicas para cuidar da saúde durante a pandemia

Ganho de peso, cansaço, moral baixa … É a volta do confinamento na França com a segunda onda do coronavírus.

Tenha cuidado, ficar confinado em casa não é necessariamente bom para a sua saúde!

Lista das consequências negativas do confinamento no organismo e dicas para resolvê-las!

Ficar trancado em casa por uma semana, duas semanas, um mês ou mais  leva a várias doenças: pernas pesadas, dores nas costas, ganho de peso, baixa moral e libido, fadiga, inchaço, constipação…

A lista cresce à medida que os dias bloqueados se sucedem.

O Brasil se prepara para sua segunda fase de contenção por conta da retomada da epidemia de coronavírus. 

Veja como se preparar para isso e permanecer saudável de qualquer maneira.

A inatividade promove pernas pesadas

Sentar e andar muito pouco aumenta a sensação de peso nas pernas e dor, inclusive em pessoas que não têm problemas circulatórios conhecidos. Para melhorar o fluxo sanguíneo nas pernas e reduzir esse peso, é recomendado:

  • Suba e desça as escadas (se houver), várias vezes seguidas, por 10 minutos e em horários diferentes do dia.
  • Beba água , entre 1,5 e 2 litros por dia.
  • Eleve as pernas ao trabalhar em uma mesa ou lendo, por exemplo.
  •  À noite, na hora de dormir, levante as pernas no ar (apoiado ou não na parede) por 10 minutos. “ Ou se surgir a necessidade de aliviar as pernas durante o dia: deite-se de costas no tapete de ginástica ou na cama e eleve as pernas com uma almofada grande por 15 minutos ”, recomenda Astrid Heratchian, naturopata.
  • No chuveiro, enxágue as pernas com água fria o máximo possível “ fazendo movimentos com o chuveiro de baixo para cima ” , especifica o naturopata.
  • Consumir antioxidantes , a fim de retardar o envelhecimento e a degradação das paredes das veias pela captura de radicais livres, previne a insuficiência venosa. Os benefícios não serão imediatos mas é favorável iniciar o processo nestas condições de confinamento. “As melhores fontes de antioxidantes são frutas (muito maduras) e sazonais, bem como bagas de Goji (cerca de vinte por dia no máximo, bem mastigadas). As frutas vermelhas são particularmente interessantes para o  sistema venoso e linfático .”
  • “ Faça a cura da hamamélis e da videira vermelha na forma de um suplemento alimentar que pode ser encontrado em lojas de produtos orgânicos ou  drogarias (seguindo as orientações do produto) ”, recomenda a especialista.

Em casa mordiscamos e engordamos!

O confinamento estimula a merenda, o tédio, uma sensação de cansaço que se pensa preencher comendo, ou porque a privação de liberdade empurra para preencher essa carência com comida. Para reduzir a ingestão de calorias e perder alguns quilos, aqui estão os princípios básicos recomendados pelo naturopata:

  • Cozinhe no vapor, e tempere com um fiozinho de azeite de oliva, colza ou noz adicionado com suco de limão para limitar a quantidade de óleo. “Os óleos de colza e de noz são ricos em ômega 3, que têm um efeito positivo no sangue e na circulação venosa.”
  • Consumir alimentos ricos em fibras (frutas cítricas, feijão, cereais não refinados, arroz integral ou meio integral, meio trigo integral, lentilhas e outras leguminosas … ajuda a limitar a ingestão de energia. A sensação de saciedade é mais sentida rapidamente.
  • Para a refeição do meio-dia, ” associe uma proteína (animal ou vegetal) com vegetais à vontade, bem como vegetais crus como entrada . Isso permite que o corpo elimine toxinas e sobrecargas mais facilmente. Reduza o máximo possível as quantidades de alimentos ricos em amido para o almoço. Prefira frutas da estação como sobremesa ou possivelmente uma compota. “
  • Reduza a ingestão de laticínios e queijos. ” Prefira queijos de cabra e ovelha (em vez de leite de vaca), que são muito mais digeríveis. Será o mesmo para os iogurtes.”
  • Para o jantar, “reduza a quantidade de proteína ou mesmo elimine-a e substitua por alimentos ricos em amido (arroz, batata, trigo, etc.) associados apenas a vegetais (à vontade). Não se esqueça, também à noite, das contribuições em alimentos crus, como vegetais crus e frutas! “
  • Em caso de desejo por lanches, ” forneça  frutas secas doces (damascos, figos, uvas, manga, abacaxi etc.) e / ou frutas frescas (em salada de frutas) e / ou sementes oleaginosas (amêndoas, nozes, avelãs etc. ) com uma bebida quente. Esta combinação ajuda a reduzir os desejos. “
  • No caso de desejos por lanches ligados ao estresse ou tédio, “respire fundo algumas vezes ou escove os dentes!”
  • Aguente! Mudar seu comportamento alimentar não é fácil. Portanto, obtenha incentivo de outros membros da família a quem os mesmos princípios podem ser aplicados. Todos estão unidos, em benefício de uma dieta menos rica.  “E lembre-se quando fizer suas compras (online ou na loja) para escolher os alimentos e ingredientes certos … Você não ficará tentado a comer lanches ruins!”

Por hoje são só essas dicas mas se você quiser saber mais é só voltar para nossa página inicial.